Festa da Luz 2019 registra saldo positivo na segurança e recebe elogios da Polícia Militar

A Festa da Luz 2019 foi considerada um sucesso de acordo com o balanço feito pela Polícia Militar que atuou durante as quatro noites do evento. Dentre um público de 40 mil pessoas presentes, houve 18 registros de ocorrências, sendo consideradas pequenas e de menor vulto, e nenhuma ocorrência de homicídio ou tentativa do mesmo. Um resultado bastante exitoso, haja vista a dimensão do evento e a complexidade em lidar com o grande fluxo de pessoas.

Major Gilberto atribui o resultado positivo a um somatório de esforços, onde o apoio do prefeito Zenóbio Toscano, a parceria com o Corpo de Bombeiros e a STTRANS foram essenciais para o sucesso da operação, pois tudo aquilo que foi planejado foi colocado em prática, parabenizando a Prefeitura pela estrutura e condições que o Parque do Poeta oferece, com destaque ao sistema de monitoramento disponível para que a Polícia tenha acesso às imagens de diversos locais da festa, tal como os trabalhos de recolhimento de garrafas de vidro, trocando por garrafas pet. Fatores como esses foram fundamentais para que a Festa da Luz seja marcada pela harmonia e sucesso na segurança e organização.

O comandante do 4° BPM ainda estendeu méritos a gestão municipal pela iniciativa em promover ações de conscientização à população em deixar os veículos em casa e pegar um táxi ou os transportes disponibilizados pela Prefeitura, o que favoreceu o sucesso da festa, tal como o registro de nenhum roubo ou arrombamento de veículos nas áreas de estacionamento.

Na primeira noite houve quatro furtos de aparelhos celulares e a condução de um homem de 35 anos por embriaguez e desordem. Na noite seguinte foram registradas três ocorrências, sendo duas prisões por porte e consumo de entorpecente e uma prisão por lesão corporal leve. Na terceira noite de evento houve seis ocorrências: sendo quatro furtos de celulares, uma prisão por porte de entorpecente e uma prisão por ato obsceno. Já na última noite foram registradas apenas cinco ocorrências: duas conduções por embriaguez e desordem, uma condução por consumo de entorpecente e dois furtos de aparelhos celulares.