Grupo Folclórico do SESC PB faz uma viagem pela música e dança regionais no Teatro Geraldo Alverga

10297563_759226964097491_473923679450773448_nApresentação faz parte da Semana de Arte e Cultura organizado pela Prefeitura de Guarabira
Como parte da programação da Semana de Arte e Cultura, organizada pela Prefeitura de Guarabira, através da Secretaria de Cultura de Turismo, e pela Universidade Federal da Paraíba, aconteceu na noite desta segunda-feira (26) mais uma apresentação no Teatro Geraldo Alverga.
Desta vez o Grupo Folclórico do SESC Paraíba cantou e encantou os presentes com o trio pé-de-serra tocando o melhor do forró acompanhados dos casais de danças regionais populares. O grupo fez uma viagem musical através do estado, desde os primeiros de raios de sol das Américas até o sol escaldante do sertão, visitando também o xaxado do universo dos cangaceiros.
Clique aqui e confira mais imagens
Além das oficinas que estão acontecendo durante toda a semana, também estarão sendo realizadas nesta terça (27) uma Mostra de Cinema Paraibano, na Biblioteca Municipal, às 29 horas; e no mesmo horário, mais uma peça teatral no Teatro Geraldo Alverga, que será “O Romance do Conquistador”, do diretor Edilson Alves, com texto de Lourdes Ramalho.
A Semana de Arte e Cultura é fruto da assinatura de convênio de cooperação técnico-científico e pedagógico entre a Prefeitura de Guarabira e o projeto “Universidade no seu município” da UFPB.
O evento tem entre seus objetivos promover a produção cultural e artística da comunidade, levando atrações de importante gosto popular, como grupos folclóricos, palestras sobre literatura afro-brasileira e de cordel e as apresentações das orquestras filarmônica e de cordas da UFPB.
A atual gestão é amplamente reconhecida pelos cidadãos como a que mais está fazendo pelo setor cultural nos últimos anos, seja recuperando e reabrindo equipamentos culturais, como o próprio Teatro Geraldo Alverga, Centro de Documentação, Museu de Artes Sacras; ou investindo nos talentos da terra através da implantação de ateliê coletivo, e apresentações musicais pelo projeto Quinta Tem Talento, seja no Centro da cidade ou itinerantemente nos bairros, entre outros aspectos.