Guarabira realiza Dia D de vacinação antirrábica para cães e gatos neste sábado (24); confira locais

A Prefeitura de Guarabira, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realiza neste sábado, dia 24/9, das 8h às 16h, o Dia D da Campanha de Vacinação para Cães e Gatos. As equipes de Vigilâncias Ambiental e Sanitária vão estar de prontidão nos 17 postos de vacinação espalhados por toda a cidade. Podem ser vacinados contra a raiva os pets a partir dos 3 meses de vida.

Confira os postos de vacinação por localidade

1. Bairro Novo – UBS Bairro Novo I e II, e Secretaria de Saúde
2. Bairro Cordeiro – UBS Cordeiro
3. Bairro Alto da Boa Vista – UBS Alto
4. Bairros Primavera, Bela Vista e Dona Adália – UBS Primavera
5. Santa Terezinha e João Cassimiro – UBS Santa Terezinha
6. Bairros Rosário, José Madruga e Osmar de Aquino e Loteamento Pouso das Garças – UBS Rosário
7. Bairro Mutirão e Loteamento Fernando Cunha Lima – UBS Mutirão
8. Bairros São José e Esplanada – UBS São José
9. Bairro Assis Chateaubriand e conjunto Ana Kelly – UBS Assis
10. Bairros Clovis Bezerra, Lucas Porpino e conjunto Antônio Mariz – UBS Clóvis
11. Conjunto Antônio de Freitas e Rua Pref. Manoel Lordão – UBS Nordeste III
12. Bairro Nordeste II – Policlínica do Nordeste
13. Bairro Nordeste I – UBS Nordeste I
14. Bairros Nações, Juá, Monte das Oliveiras e Nsa. Sra. Aparecida – UBS Nações
15. Sítio Pirpiri de Cima – UBS Pirpiri
• Imóveis onde os proprietários não conseguem se locomover para levarem seus animais – Carros volantes (pela manhã)
• Residencial Jáder Pimentel, sítio Pirpiri de Baixo e loteamento Clotilde Coutinho – Carros volantes (pela tarde)

Raiva em animais – A raiva é uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida para o ser humano através de contato com animal infectado. É uma doença viral com quase 100% de mortalidade.
A transmissão ocorre quando há contato com a saliva de um animal doente, principalmente pela mordedura. Porém é muito importante compreender que nem toda mordida de cão ou gato transmite a raiva. Para haver o contágio, é necessário que o animal seja portador do vírus.
Atualmente, a doença está praticamente erradicada das metrópoles, mas para manter o controle da raiva é preciso que os animais sejam vacinados anualmente

Outras Notícias