Sambista guarabirense volta à Lagoa de Pedra em Guarabira após 7 décadas

Zé Katimba abriu porteiras e manteve contatos com pessoas de sua época de menino, na zona rural guarabirense
Zé Katimba abriu porteiras e manteve contatos com pessoas de sua época de menino, na zona rural guarabirense

Na manhã desta sexta-feira a Prefeitura de Guarabira, através da Coordenação de Comunicação Social – Codecom promoveu um momento impar na vida do sambista Zé Katimba, agora já conhecido popularmente pelos seus conterrâneos de Guarabira. Entre tantos locais do município conhecidos por ele em seus oito dias de estadia, apenas um lhe faltava ser visitado antes do seu retorno ao Rio, a comunidade onde José Ignácio dos Santos (Zé Katimba) nasceu – o sítio Lagoa de Pedra, na zona rural de Guarabira.

Antes da ida à Lagoa de Pedra, o artista e o jornalista Fernando Paulino foram convidados pelo professor Percinaldo Toscano para participar de um café da manhã em sua residência ao lado de sua família, e logo após foi até ao prédio onde funcionou a antiga estação ferroviária, que fica no bairro Esplanada.

Antes da ida à Lagoa de Pedra, o artista e o jornalista Fernando Paulino foram convidados pelo professor Percinaldo Toscano para participar de um café da manhã
Antes da ida à Lagoa de Pedra, o artista e o jornalista Fernando Paulino foram convidados pelo professor Percinaldo Toscano para participar de um café da manhã

Em seguida, ele se dirigiu à zona rural, quando chegou ao seu local natural, fez questão de abrir as porteiras, numa forma de relembrar os seus tempos de infância. Por lá Zé Katimba encontrou o casal José Pereira da Costa, seu Dú e dona Maria de Lourdes, que viveram à mesma época, porém os mesmos não se recordaram de nada e nem se conheceram, uns aos outros.

No terreiro da casa de seu Dú, eles desenvolveram uma conversa bastante descontraída, e mesmo desconhecido o trio lembrou que freqüentava a igrejinha e o açude local, este onde segundo o mesmo, aprendeu a nadar junto com a meninada da época. Zé Katimba deixou Lagoa de Pedra com 7 anos de idade, quando se mudou com sua família para a cidade litorânea de Cabedelo, de onde viajou aos 10 anos, de forma clandestina em um navio para o Rio de Janeiro.

A passagem por Lagoa de Pedra foi rápida, pois o artista estava de audiência marcada às 10:00h com o prefeito da Capital, Luciano Cartaxo e logo após com o prefeito de Cabedelo, José Lucena Filho (Luceninha). A viagem de volta de Zé Katimba para Rio estar prevista para as 2:00h da madrugada deste sábado. Ele prometeu retornar em breve, e ainda disse que pretende vir morar em Guarabira.